estacionamento_rotativo_bh_carnaval

Entre os dias 2 e 5 de março, as áreas de Estacionamento Rotativo serão liberadas sem a necessidade de utilização de crédito eletrônico ou folha de talão, para quem ainda utiliza o sistema impresso. A Portaria BHTrans DSV 002/2019, que autorizou a liberação, foi publicada na edição nesta segunda-feira, dia 25, do Diário Oficial do Município.

Atualmente, o sistema de Estacionamento Rotativo de Belo Horizonte conta com 23.574 vagas físicas que, quando respeitado o tempo de permanência máximo, se transformam em 106.607 oportunidades de estacionamento em 880 quarteirões da capital.

Em junho de 2018, foi lançado o Estacionamento Rotativo Digital. Com o aplicativo no celular o motorista pode comprar créditos para usar as vagas de estacionamento da capital. O crédito do Rotativo Digital custa R$ 4,40 e é válido para utilização em quaisquer dos tempos regulamentados (1h, 2h, 5h ou 12h). Vale lembrar que quem ainda possui a folha de talão, do sistema anterior, ainda pode utilizá-la.

Como funciona o Rotativo Digital

Os aplicativos credenciados para compra de crédito estão disponíveis nas lojas virtuais para Android e IOS. Os interessados devem acessar a página da BHTrans, no portal da Prefeitura e baixar o seu aplicativo nas lojas virtuais.  Após cadastrar a placa do carro, o usuário vai escolher a quantidade de créditos que deseja comprar e a forma de pagamento. Pode ser cartão de crédito, débito ou boleto. Depois, é só ativar o rotativo quando estacionar e ficar atento ao tempo de permanência indicado na placa de regulamentação.

O valor do crédito é o mesmo valor da folha do rotativo – R$ 4,40 – e vale pelo mesmo tempo. Nos aplicativos é possível cadastrar quantas placas de veículos desejar, mas só duas placas poderão ser ativadas num mesmo momento. Todos os usuários terão 30 minutos de bônus a cada crédito adquirido, da mesma forma na folha de papel de estacionamento.

Postos de Venda

Quem está sem celular, ou não deseja utilizá-lo para comprar crédito, pode fazer a compra e acionar os créditos eletrônicos em um posto de venda mais próximo. Pode ser em uma banca de jornal, uma lanchonete, uma livraria, ou qualquer ponto credenciado, identificado com o selo do Rotativo Digital. O motorista compra e aciona o crédito informando a placa do veículo. É fundamental ficar atento ao tempo de permanência indicado na placa de regulamentação.

Estacionamento Rotativo

O Estacionamento Rotativo é uma forma de democratizar as vagas de estacionamento para veículos. O sistema é implantado onde a quantidade de veículos que necessitam estacionar é maior que o número de vagas disponíveis, aumentando a oferta nas regiões de grande concentração de comércio, serviços e lazer, oferecendo aos motoristas mais oportunidades de estacionar, contribuindo para melhorar a qualidade de vida, com o aumento da fluidez do trânsito. A proposta do rotativo é multiplicar a utilização das vagas para veículos.

A receita líquida do Estacionamento Rotativo é aplicada em melhorias do sistema viário da cidade, como manutenção e implantação de sinalização, operação de tráfego, fiscalização do trânsito e programas de segurança e educação.

O sistema de Estacionamento Rotativo de Belo Horizonte funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h, e aos sábados, das 8h às 13h (em alguns locais o uso do crédito ou da folha é liberado aos sábados). Aos domingos e feriados as vagas de rotativo na cidade ficam liberadas.

Números do Rotativo Digital

Já são 300.456 usuários do Rotativo Digital, que até a primeira quinzena deste mês de fevereiro/19, fizeram 2.179.918 aquisições de créditos eletrônicos e 1.809.164 ativaram o uso na vaga do Rotativo. Entre os motociclistas que trabalham com o motofrete, 100% do uso já é digital.

O sistema já conta com 15 empresas de aplicativos e 5 de postos físicos de venda de créditos, para aqueles que não fazem uso de smartphones.

Fonte: PBH

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui