O ex-senador Luiz Otávio Campos (MDB) foi preso em Belém, no Pará, sob suspeita de ter intermediado os pagamentos de caixa 2 de R$ 1,5 milhão para o atual governador do Pará, Helder Barbalho, nas eleições de 2014. Campos foi alvo da operação “Fora da Caixa”, deflagrada pela Polícia Federal nesta quinta-feira (9). De acordo com a PF, a investigação teve início a início a partir da colaboração premiada de executivos da Odebrecht e os pagamentos realizados entre setembro e outubro de 2014, intermediados pelo ex-senador.

Tudo sobre:

Read More

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui