Web reclama de suspensão do especial de Natal do Porta dos Fundos: “censura”
Tudo sobre

Netflix



Saiba tudo sobre Netflix

Ver mais


A decisão do desembargador Benedicto Abicair, do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro, que prevê a suspensão provisória do especial de Natal do Porta dos Fundos na Netflix, movimentou bastante a noite desta quarta-feira (08) nas redes sociais.

A maioria dos internautas, mesmo aqueles que não são fãs do grupo, reclamou da liminar e classificou como censura.

O vídeo do Porta dos Fundos não teve graça e nem teve essa pretensão. Foi um escracho gratuito à fé cristã, típico da famigerada guerra cultural.

Porém, sou CONTRA A CENSURA imposta por um desembargador a pedido de descontentes.

Então, o quase esquecido vídeo volta às notícias.

— Flávio Augusto (@GeracaodeValor) January 8, 2020

Há quem concorde com Abicair, mas são poucas as manifestações.

Corretíssima decisão. A liberdade de expressão está sujeita a **RESPONSABILIZAÇÃO ULTERIOR** quando abusiva. Porta dos Fundos abusou ao fazer humor asqueroso contra a religião cristã (nem graça tem), dando direito a seus adeptos de buscarem sua responsabilização. Nada mais justo. https://t.co/jzJfv6fDPC

— Taiguara Fernandes de Sousa (@taiguara_sousa) January 8, 2020

Outros destacam a mesma opinião do ministro Marco Aurélio, do Supremo Tribunal Federal (STF), que caracterizou o ato como inconstitucional.

A decisão do desembargador do Tribunal de Justiça do Rio que tira do ar o especial de Natal do Porta dos Fundos é uma aberracao. É inconstitucional já que atenta contra o princípio do Estado laico. É também a derrota do direito e a vitória do obscurantismo judicial lavajateiro.

— Wadih Damous (@wadih_damous) January 8, 2020

Além disso, no mesmo Twitter – um ótimo termômetro para medir a repercussão de um determinado assunto nas redes sociais – o termo “Porta” já é o terceiro mais falado (trend), com 81,4 mil menções na plataforma.

E você, o que achou disso? Deixe sua opinião nos comentários!

Gostou dessa matéria?

Inscreva seu email no Canaltech para receber atualizações diárias com as últimas notícias do mundo da tecnologia.

Read More

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui